O Ministério Público está investigando possível fraude eleitoral em São Manuel e Duartina (SP). As fraudes estariam relacionadas ao quociente eleitoral.

Segundo o MP há indícios de irregularidade nos registros de candidaturas de mulheres de quatro partidos de São Manuel e um partido de Duartina.

Os partidos devem registrar o mínimo de 30% de candidatos de um gênero – masculino ou feminino – e o máximo de 70% do outro.

De acordo com o MP, há indícios de que para cumprir essa regra, os partidos teriam registrado candidatas “fantasmas” que não receberam nenhum voto nas eleições.

Em São Manuel, 5 candidatas estariam nessa situação. Elas são dos partidos PSDB, PSB, PSD e PDT. Em Duartina, a investigação é em relação a uma das candidatas do PL.

Procurados pela TV TEM, apenas o PDT se manifestou dizendo que o partido não foi notificado e desconhece qualquer investigação em relação à candidata do partido. Os demais não se manifestaram até a publicação da reportagem.

Segundo a Justiça Eleitoral, se comprovada a fraude os candidatos dos partidos envolvidos têm os votos anulados e se caso eleitos não podem assumir a cadeira na Câmara.

 

Fonte: G1

Últimas Notícias : Pages : FM Integração